Portugal é mesmo surpreendente!

São tantas cidades lindas e diferentes umas das outras que deixa difícil a tarefa de organizar o roteiro da viagem.

Se você quer praias paradisíacas, montanhas nevadas, campos floridos, cidades grandes, incríveis penhascos, aldeias de pedra (ou de madeira), ondas gigantes, lojas, salinas, vinícolas ou o que você preferir, Portugal é o destino certo!

Parece que sempre fica alguma coisa (ou muita coisa) para visitar depois e muitas vezes, até mesmo os portugueses desconhecem algumas atrações.

E estamos falando de um caso desses.

Veja aqui o Inicio do nosso período sabático.

Então, pegue seu caderninho e anote essa dica especial para você não perder:

O jardim oriental Bacalhôa Buddha Eden.

Já imaginou caminhar por jardins entre lagos azuis com carpas coloridas, labirintos de bambu, gazebo japonês, dragões esculpidos que se erguem da água, cascatas, dezenas de budas dourados e outras divindades chinesas e indianas, lindas esculturas africanas, 700 soldados de terracota pintados à mão e mais de 1.000 palmeiras?

wp-1487161464452.jpg

O seu sonho que pode virar realidade mais perto do que você imagina, pois tudo isso te espera em pleno Portugal!

O espaço Buddha Eden é originalmente uma vinícola da marca de vinhos portuguesa Bacalhôa, transformada no maior parque oriental da Europa.

Foi inspirado e desenhado par transmitir uma sensação de paz, harmonia e serenidade, onde tudo está posicionado em perfeita sintonia.

A cada curva se descobre um novo e inesperado tesouro.

Para você ter ideia da dimensão, a maior escultura é da Deusa Kwan Yin, com 35 metros de altura e é localizada logo atrás de um Buda deitado enorme.

wp-1487161463706.jpg

Estima-se que foram usadas mais de 6 mil toneladas de mármore e granito para edificar esta obra monumental.

Fica em Bombarral, distrito de Leiria (77km de Lisboa), a entrada custa apenas 4 euros (excelente custo-benefício) e tem opção de fazer o passeio à pé ou, se tiver com crianças pequenas ou problemas de mobilidade pegar o trem interno (que custa 3 euros).

Nós preferimos caminhar, assim ficamos livres para explorar melhor este espaço magnifico!

Esse local não tem nada a ver com a história de Portugal, mas é um lugar inspirador, para contemplar sem pressa e tirar fotos maravilhosas!

Apesar de dar muita vontade, não é permitido fazer pique-nique no jardim. Mas há um restaurante logo na entrada (que a especialidade é bacalhau) e uma adega de vinhos excelente com garrafas à partir de 2,50€.

Veja aqui porque fazer mochilão.

Antes de começar o passeio, pegue o guia na recepção e siga os números (de 1 a 18) para conhecer o lugar por completo e não perder nenhuma das atrações.

É um lugar único de paz e tranquilidade que o vai surpreender. Visite!

Veja mais fotos:

Mais informações no site oficial.

Na região tem também as Grutas de Mira de Aire, a maravilhosa cidade praiana de Peniche e as Salinas de Rio Maior, que certamente valem a sua visita!

Conheça mais sobre nós.

24 comentários em “O santuário de Buda em Portugal (que mal os portugueses conhecem)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s